Inscrições fechadas

Brasil Ride

Mais que uma prova... Uma etapa em sua vida!

21 a 27 de outubro de 2018

Faltam 30 dias Saiba Mais

Press Release

Voltar
2015-10-17

Brasil Ride dá largada para a principal ultramaratona de MTB das Américas

Competição tem início neste domingo (18), na Chapa Diamantina, na Bahia, com participação de 500 atletas de 23 países, recheada de estrelas do esporte brasileiro e internacional

Mucugê (BA) -
Principal ultramaratona de MTB das Américas, a Brasil Ride tem a largada de sua sexta edição neste domingo (18), na cidade de Mucugê, na Chapada Diamantina, na Bahia. O prólogo começa às 13h (14h pelo horário de verão de Brasília) e desafiará alguns dos melhores bikers do Brasil e do mundo em um percurso misto de 20km, com trechos de areia, pedras, rios e asfalto. Ao longo de sete etapas, cerca de 500 atletas percorrerão 600 km com altimetria acumulada de 13 mil metros até o próximo dia 24 de outubro.

Segundo Rafael Campos, diretor técnico da Brasil Ride, a primeira prova, apesar de ser curta, oferece uma boa mostra do que os ciclistas devem esperar durante os sete dias de ultramaratona. "O prólogo é disputado no sistema de contrarrelógio, com as duplas largando com intervalos de um minuto umas para outras. Ele é muito importante porque define o portão de largada para a segunda etapa, no dia seguinte, e o tempo já vale para a somatória que definirá os campeões. Além disso, a primeira etapa conta com trechos técnicos, com pedras e rochas, que medirão a habilidade dos bikers, que terão ainda que passar por dois rios, trechos de areia e asfalto", explica. Campos ainda informa que as subidas serão poucas, mas íngremes.

Mais globalizada a cada ano, a Brasil Ride 2015 traz para a Bahia nomes internacionais do porte do holandês Bart Brentjens, campeão mundial de Cross Country de 1995 e medalha de ouro na Olimpíada de Atlanta 1996. Porém, a briga mais acirrada será entre os brasileiros que buscam vaga na Olimpíada. Henrique Avancini, Ricardo Pscheidt, Frederico Mariano, Sherman Trezza, Raiza Goulão, Isabella Lacerda e Erika Gramisceli chegam motivados para buscar os 120 pontos nos rankings mundiais da UCI (União Ciclística Internacional), fundamentais na definição de quem representará o País nos Jogos do Rio 2016.

"Chego bastante motivado para a Brasil Ride depois da boa performance no Aquece Rio, onde fui quinto colocado. Como é o primeiro ano do Wolfgang (Soares), vamos fazer uma prova mais cuidadosa. O objetivo é vencer uma ou duas etapas, sem elevar demais o nível de desgaste, porque espero encerrar a temporada ainda com alguma reserva de energia. Mas estou muito otimista e vocês nos verão nas cabeças", disse Avancini, campeão em 2013.

Além de Avancini/Wolfgang, as duplas brasileiras da categoria open que prometem duelar roda a roda pelos pontos da UCI são Frederico Mariano/Sherman Trezza e Ricardo Pscheidt/Leandro Donizete. Na categoria ladies Raiza Goulão pedala com Viviane Favery, enquanto Isabella Lacerda tem como parceira a norte-americana Nina Baum, campeã de 2014, e Erika Gramiscelli forma parceria com Letícia Cândido.

Atrações internacionais - Além de pedalar, o campeão mundial e medalha de ouro em Atlanta 1996 Bart Brentjens também atuará como comentarista da competição. Ele é o comentarista oficial da Red Bull TV nas etapas da Copa do Mundo de MTB. Nas trilhas, Bart vai em busca do tricampeonato da categoria máster ao lado de Abraão Azevedo, um dos maiores nomes do esporte brasileiro.

"Minhas expectativas estão altas, como é sempre para mim em qualquer competição. Já ganhamos duas vezes juntos, mas sabemos que há brasileiros vindo forte para brigar pelo título com a gente. Temos que estar atento a cada segundo das sete provas, porque qualquer imprevisto pode acontecer. Será muito interessante ter uma equipe forte para competir com a gente", define Bart Brentjens. "Brasil Ride tem estágios muito difíceis, principalmente a segunda etapa de Mucugê a Rio Contas, sendo comparada em vários aspectos a Cape Apic, por exemplo", completa Bart.

Na open, Hans Becking (HOL) e Jiri Novak (REP) correm pelo bicampeonato. Para isso, terão que encarar a concorrência européia das duplas Daniel Geismayr/Hermann Pernsteiner, ambos da Áustria, Simon Gegenheimer/Steffem Thum e Christopher Maletz/Daniel Gathof, os quatro da Alemanha, e Stijn Van Boxstael/Jorgen Flion, da Bélgica. E também de brasileiros, argentinos, costarriquenhos, dentro outros.

"A Brasil Ride é uma corrida muito difícil, em que você tem de sobreviver e manter-se saudável durante os sete dias. Haverá outras equipes fortes, mas acho que a experiência de estar na quarta participação me ajudará a sair bem. Sabemos da importância do prólogo, mas também que é apenas 4% do total da ultramaratona", avalia Hans Becking. "As trilhas da abertura me parecem fácil, mas porque eu já pedalei lá diversas vezes, mas temos que nos manter concentrados para ir bem", complementa.

Hans e Jiri contam como se sentem como atuais vencedores. "É especial entrar em uma competição como atual campeão, porque isso faz com que os adversários nos olhem de outra maneira, como favoritos a levar o troféu após os sete dias. Para mim a Brasil Ride é a competição por estágios mais difícil do mundo. O prólogo não será fácil, porque serão 20 km em um percurso muito técnico, mas Hans e eu queremos essa camisa amarela de novo. Então, vamos com tudo", analisa Jiri Novak. "No primeiro treino as pessoas da cidade e os outros ciclistas abriam para a gente passar e nos parabenizavam. Achei muito legal. Acho que posso me candidatar a prefeitura de Mucugê. Terei chances de ganhar", brinca Hans.

A Brasil Ride traz para a Bahia atletas de 23 países. Os europeus têm maior número de inscritos, com 12 países confirmados: Alemanha, Áustria, Bélgica, Eslovênia, Espanha, França, Itália, Holanda, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suíça. Já no Brasil, 18 estados, além do Distrito Federal, estarão presentes na competição. São eles: Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Roraima, Santa Catarina e São Paulo. "Nossa expectativa é para uma grande competição e um excelente evento. Temos a disputa dos brasileiros pela vaga olímpica e atletas de renome em nível internacional. Trabalhamos muito para montar uma estrutura grandiosa em duas cidades baianas e temos certeza que a Brasil Ride crescerá ainda mais nos próximos anos", garante o fundador da Brasil Ride, Mario Roma.

Disputada em duplas, com exceção da categoria corporativa, a Brasil Ride terá sete categorias: open, feminino, mista, máster (nenhum atleta com menos de 40 anos), grand master (nenhum atleta com menos de 50 anos), nelore (acima de 90 kg) e corporativa (categoria com três integrantes). A competição contará ainda com as camisas especiais para melhor equipe de homens e mulheres do continente Americano.

Personalidades - Neste sábado (17) a Vila Brasil Ride em Mucugê, recebeu os 500 atletas para a retirada dos kits. Antes, os bikers que vieram enfrentar o desafio das trilhas da Chapada Diamantina aproveitaram para se aclimatar e treinar. Neste domingo (18), o público que acompanhará o prólogo contará com algumas presenças especiais, como Carlos Geraldo Santana de Oliveira, secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento do Ministério do Esporte; Alvaro Gomes secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, representando o governador da Bahia, Rui Costa; Olivia Santana, secretária estadual de Políticas para as Mulheres e Elias Nunes Dourado, superintendente dos Desportos do Estado da Bahia. No sábado, Olivia esteve na largada do Passeio Ciclístico das Divas, em prol do combate ao câncer de mama, quando falou sobre a importância da campanha do Outubro Rosa.

Maior premiação ciclística no País - Além de trazer para solo brasileiro alguns dos melhores mountain bikers do mundo, a Brasil Ride tem ainda outro incentivo aos inscritos: uma premiação recorde em dinheiro no ciclismo do Brasil, com cerca de R$ 70 mil, divididos entre classificação geral e por etapas. Um das novidades deste ano é que, pela primeira vez, homens e mulheres nas elites e registrados na UCI receberão a mesma quantia em premiações por etapas e nos resultados gerais, previstas pelo regulamento.

Maiores campeões em busca do hexa - Rei e Rainha da Brasil Ride, Abraão Azevedo e Ivonne Kraft, da Alemanha, têm em comum o 100% de aproveitamento na prova, com vitórias em todas as edições. Abraão teve quatro companheiros diferentes nos últimos cinco anos na máster, os brasileiros Plínio Souza, Paulo Freitas e Paulo Borges, entre 2010 e 2012, e o holandês Bart Brentjens, lenda do esporte. Já Ivonne disputou a primeira edição com a portuguesa Celina Carpinteiro, e outras quatro com o tetracampeão da prova, o piracicabano Mateus Ferraz.

Brasil Ride na TV - O canal Esporte Interativo terá programas diários com a cobertura da Brasil Ride. Confira a grade de horários. Domingo (18/10) - entre 13h45 e 14h00. Segunda (19/10) - 16h. Terça (20/10) - 16h. Quarta (21/10) - 16h. Quinta (22/10) - 15h30. Sexta (23/10) - 15h. Sábado (24/10) - 14h. Domingo (25/10) - 10h30.

Confira os Guias da Brasil Ride 2015 - Nos links abaixo vc. poderá ler os guias da sexta edição da Brasil Ride, em português e em inglês.

Guia em português - http://issuu.com/brasilride/docs/guia_brasilride_2015_baixa?e=0/30698141#search

Guia em inglês - http://www.romasportsmkt.com.br/brasilride/english/default.asp?id=guia&codigo=1

Sobre a Brasil Ride - A sexta edição da Brasil Ride reunirá 500 atletas de 23 países e 18 estados brasileiros e o Distrito Federal entre os dias 17 e 24 de outubro, na Chapada Diamantina, na Bahia. Após ter classificação S2 em 2014, neste ano a prova será S1, ou seja, ofertará aos campeões das elites 120 pontos nos rankings das UCI (União Ciclística Internacional). Pontos preciosos para os brasileiros na busca por vaga na Olimpíada Rio 2016. Além da premiação em produtos por etapas, a edição terá recorde em premiação em dinheiro da modalidade no País, com cerca de R$ 70 mil em prêmios gerais e por etapas.

Vídeos da Brasil Ride - Durante o evento, uma produtora especializada disponibilizará diariamente imagens, em alta definição, para upload. Do dia 18 a 25 de outubro, sempre a partir das 9h, estarão disponíveis os up link's para serem baixados. Para receber as informações, basta entrar em contato com a assessoria pelo e-mail redacao@zdl.com.br.

Confira abaixo os dois vídeos que contam a história da edição de 2014 da principal ultramaratona de MTB das Américas:
Vídeo oficial 1: https://www.youtube.com/watch?v=pdKLV8Y5brw
Vídeo oficial 2: https://www.youtube.com/watch?v=FZDgDSsY0fA

Etapas da Brasil Ride 2015

1ª Etapa: 18 de outubro - 13h
20 km de prólogo com largada e chegada em Mucugê
Detalhe: formato de contrarrelógio

2ª Etapa: 19 de outubro - 6h
147 km entre Mucugê e Rio de Contas
Detalhe: 3.355m acumulados de ascensão

3ª Etapa: 20 de outubro - 10h
34,5 km em Rio de Contas
Detalhe: Circuito de cross country com 5 voltas de 6,9 km

4ª Etapa: 21 de outubro - 8h
84,7 km em Rio de Contas
Detalhe: 2.156m acumulados de ascensão

5ª Etapa: 22 de outubro - 7h
94,7 km em Rio de Contas
Detalhe: 1.881m acumulados de ascensão

6ª Etapa: 23 de outubro - 6h
143,4 km entre Rio de Contas e Mucugê
Detalhe: 2.854m acumulados de ascensão

7ª Etapa: 24 de outubro - 9h
72,1 km em Mucugê
Detalhe: prova final definindo-se os campeões

A Brasil Ride 2015 é uma realização da SUDESB, Bahiatursa, Governo da Bahia e Ministério do Esporte
Patrocínio: Shimano, Trek e Caixa
Co-Patrocínio: Thule, Pearl Izumi e Oakley.
Apoios: Continental Pneus, Red Bull, GU, Muc-Off, Prefeitura de Rio de Contas
Supervisão e homologação: União Ciclística Internacional (UCI), Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e Federação Baiana de Ciclismo (FBC).
Organização: REC, Roma Comunicação e Prefeitura de Mucugê.

Brasil Ride: Mais que uma prova, uma etapa em sua vida.

Mais informações:
Site
: http://www.BRASILRIDE.COM
Facebook: www.facebook.com/BRASILRIDE
Twitter: @brasil_ride
Instagram: @brasilride

Gustavo Coelho / Doro Jr. - Mtb 13209
E-mail
: gustavo@zdl.com.br
Tel: 11 32855911 / Vivo: 11 9.8783-7408

Siga a ZDL no twitter: twitter.com/ZDLcomunica
e no facebook ZDL Comunicação

A secretária Olivia e Andrea Roma (ao centro) (Anderson Jamaica/SPM.Bahia)
A secretária Olivia e Andrea Roma (ao centro) (Anderson Jamaica/SPM.Bahia)
Alta  | Web

Bart Brentjens durante entrevista (Brasil Ride / Divulgação)
Bart Brentjens durante entrevista (Brasil Ride / Divulgação)
Alta  | Web

Wolfgang Olsen / Henrique Avancini (Brasil Ride/Divulgação)
Wolfgang Olsen / Henrique Avancini (Brasil Ride/Divulgação)
Alta  | Web

Sherman Trezza / Frederico Mariano (Christian Correa/Brasil Ride)
Sherman Trezza / Frederico Mariano (Christian Correa/Brasil Ride)
Alta  | Web

Vivi Favery / Raiza Goulão (Brasil Ride/Divulgação)
Vivi Favery / Raiza Goulão (Brasil Ride/Divulgação)
Alta  | Web

Rafael Campos, diretor técnico da Brasil Ride (Christian Correa/Brasil Ride)
Rafael Campos, diretor técnico da Brasil Ride (Christian Correa/Brasil Ride)
Alta  | Web

Mario Roma fotogrando ciclistas (Christian Correa/Brasil Ride)
Mario Roma fotogrando ciclistas (Christian Correa/Brasil Ride)
Alta  | Web

Bahia CAIXA
Shimano Specialized Unidas
Continental Full Gas La Maglia Mitsubishi Red Bull Solifes Thule Uvex Porto Seguro Arraial dAjuda Guaratinga Pau Brasil
Bicycling Bike Action Go Outside UCI CBC FBC Instituto Brasil Ride