Inscrições abertas

Road Brasil Ride 2020

Pardinho-SP

07 de Junho de 2020

Faltam 185 dias Inscreva-se

Press Release

Voltar
2019-06-17

Jaílson Diniz é campeão da sexta edição da Road Brasil Ride em Pardinho (SP)

Ciclista pernambucano levou a melhor sobre Matheus Braz, ao vencer prova no sprint final. Um dos favoritos à vitória, Sanderson Celso, teve seu pneu murchado nos quilômetros finais e terminou em terceiro lugar

Alta  | Web
Primeira serra selecionou os pelotões (Fabio Piva / Brasil Ride)

Primeira serra selecionou os pelotões
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Sanderson Celso atacou nos primeiros quilômetros (Fabio Piva / Brasil Ride)

Sanderson Celso atacou nos primeiros quilômetros
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Início da prova (Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Início da prova
(Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Alta  | Web
Road Brasil Ride em preto e branco (Fabio Piva / Brasil Ride)

Road Brasil Ride em preto e branco
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Prova chegou a sexta edição (Fabio Piva / Brasil Ride)

Prova chegou a sexta edição
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Jaílson vibra com a vitória (Fabio Piva / Brasil Ride)

Jaílson vibra com a vitória
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Gabriel Cavichio (Ney Evangelista / Brasil Ride)

Gabriel Cavichio
(Ney Evangelista / Brasil Ride)

Alta  | Web
João Paulo Firmino e Diogo Malagon (Ney Evangelista / Brasil Ride)

João Paulo Firmino e Diogo Malagon
(Ney Evangelista / Brasil Ride)

Alta  | Web
Mulheres mostraram a força no ciclismo (Fabio Piva / Brasil Ride)

Mulheres mostraram a força no ciclismo
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Felicidade em participar da prova (Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Felicidade em participar da prova
(Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Alta  | Web
Cuesta Paulista em dia de sol no outono (Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Cuesta Paulista em dia de sol no outono
(Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Alta  | Web
Ponteiros na saída de Pardinho (Ney Evangelista / Brasil Ride)

Ponteiros na saída de Pardinho
(Ney Evangelista / Brasil Ride)

Alta  | Web
Líderes dos 100K masculino (Fabio Piva / Brasil Ride)

Líderes dos 100K masculino
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Novo trecho da Road Brasil Ride agora com 100K (Fabio Piva / Brasil Ride)

Novo trecho da Road Brasil Ride agora com 100K
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Pelotão no início da prova (Fabio Piva / Brasil Ride)

Pelotão no início da prova
(Fabio Piva / Brasil Ride)

Alta  | Web
Pódio do top 3 da 100K masculina (Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Pódio do top 3 da 100K masculina
(Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Alta  | Web
Pódio do top 3 da 100K feminina (Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Pódio do top 3 da 100K feminina
(Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Alta  | Web
Pódio do top 3 da 70K masculina (Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Pódio do top 3 da 70K masculina
(Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Alta  | Web
Pódio do top 3 da 70K feminina (Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Pódio do top 3 da 70K feminina
(Wladimir Togumi / Brasil Ride)

Alta  | Web
Largada da Road Brasil Ride (Ney Evangelista / Brasil Ride)

Largada da Road Brasil Ride
(Ney Evangelista / Brasil Ride)

 

Pardinho (SP) - O Rodoserv Hotel, em Pardinho (SP), foi o palco neste domingo (16) da sexta edição da Road Brasil Ride, competição premiada nos últimos quatro anos como a melhor do ciclismo de estrada brasileiro. Na volta da tradicional distância de 100K do circuito, quem garantiu o troféu de campeão foi o ciclista Jaílson Diniz (Corredeiras), que venceu a prova num sprint forte na chegada, em 2h48min00seg. Matheus Braz (ABEC Rio Claro) foi o vice-campeão, com o tempo de 2h48min02seg e Sanderson Celso (Instituto Brasil Ride/Full Gas) o terceiro, em 2h51min42seg.

A prova começou a ser definida logo no primeiro trecho de serra, quando Sanderson Celso atacou e só foi alcançado por outros três adversários com cerca de 10 km de prova. Assim, o pelotão foi definido com Sanderson, Jaílson Diniz e Matheus Braz, além do ciclista João Paulo Vidal, que acabou não completando a disputa. No km 80, Sanderson teve de parar para encher o pneu e viu Jaílson e Matheus escaparem.

"O começo foi decisivo e bem difícil, porque tivemos o ataque de quatro atletas e assim transcorreu em grande parte da corrida. No último retorno, ficamos eu e o Matheus e deixamos para definir nos metros finais. Cheguei bem embalado e levei a melhor. Estou feliz demais. Competi pela primeira vez na Road Brasil Ride em 2018 e fui o quarto no geral. A meta era ficar entre os cinco primeiros e eu consegui subir no lugar mais alto do pódio", comemorou o pernambucano Jaílson, autônomo radicado em São Paulo (SP).

Já Matheus Braz fez sua estreia na prova e não poupou elogios ao evento. "Pedalo há dez anos e essa foi a melhor prova de ciclismo de estrada que já competi. Espero voltar sempre, porque a qualidade é excelente. Foi uma disputa realmente dura e desafiadora, que exigiu muito dos participantes", comentou o atleta de Santa Bárbara d'Oeste, no interior de São Paulo.

Protagonista até murchar o pneu de sua bike, Sanderson seguirá na busca de um título inédito na Road Brasil Ride, após ser o vice-campeão em 2018. "Repeti a estratégia do ano passado, que era atacar logo no começo da serra e tentar escapar dos adversários. Infelizmente meu pneu ficou murcho e tive que parar para encher. Esse tempo foi o suficiente para perder o contato com os líderes", contou o paulista de Charqueada, que se prepara para o Warm Up do Festival Brasil Ride nesta semana.

Disputa 100K entre as mulheres - Entre as mulheres, a vitória nos 100K foi da alemã Nadine Gill (Lulu Five), que chamou atenção ao terminar no top 20 geral da prova, em 2h54min16. Nadine teve no pódio a companhia de Larissa Brack, em 3h28min42seg, e Karine Alupes, em 3h32min09seg. "O percurso era bem bacana. No começo tivemos um início composto por subidas íngremes nos primeiros dez quilômetros e gostei bastante disso, porque selecionava bem os atletas. Tivemos tráfego logo após a largada e os primeiros colocados acabaram escapando de nós", relatou Nadine.

"Não conseguimos chegar no pelotão da frente então fomos administrando, andando junto em uma boa quantidade de ciclistas, o que foi bem confortável durante boa parte do percurso. Alguns ataques foram feitos e gostei demais de competir na Road Brasil Ride. Um lindo cenário. Foi minha estreia na prova", disse Nadine. "Achei a corrida muito organizada. Já ouvi falar bastante da Brasil Ride por causa do mountain bike e sabia que tinham um evento bem bacana", complementou a alemã nascida na região de Frankfurt, que trabalha no consulado da Alemanha no Brasil até 2020. 

Disputas nos 70K - Também não faltou emoção nas categorias de 70k da Brasil Ride. Entre os homens, a vitória foi de Gabriel Cavichio (1h57seg43seg), seguido de João Paulo Firmino (2h00min37seg) e de Diogo Malagon (2h00min37seg). No feminino, a mais rápida foi Viviane Lourenço (2h17min26seg), que teve ao seu lado no pódio as ciclistas Eliana Pinheiro (2h22min40seg), campeã em 2018, e de Patrícia Busto (2h29min38seg).

Organização comemora o sucesso - Fundador da Brasil Ride, Mario Roma não escondeu a felicidade pela reestreia da Road Brasil Ride com a distância 100K. "A Road abriu mais uma vez o Festival Brasil Ride e mostrou porque somos eleitos há quatro anos a melhor prova de estrada do País. Os atletas lotaram a área do Rodoserv Hotel e deram um show para o público nas estradas da Cuesta Paulista. Tenho certeza de que em 2020 teremos ainda mais competidores aqui, porque os relatos que nos fazem da experiência é muito positivo. Agora, o foco total passa a ser nas provas de mountain bike e trail run que darão continuidade à sétima edição do Festival, em Botucatu, entre quinta e sábado (20 a 22)", comentou Roma. "Temos também que fazer um agradecimento especial ao prefeito Dito Rocha, de Pardinho, por todo o seu apoio para que tivéssemos a disputa dos 100K de volta", completou.

Imagens para a imprensa - A partir desta temporada, a Brasil Ride conta com um banco de imagens especificamente para o uso da imprensa: https://brasilride.photoshelter.com/index. Neste espaço, há fotos de todas as provas realizadas no ano, entre mountain bike e trail run. Para acessá-las, basta cadastrar-se no sistema do site Photoshelter e fazer o download dos arquivos escolhidos.

A Road Brasil Ride teve os patrocínios das Prefeituras de Pardinho e Botucatu, Land Rover, Shimano, Specialized e Unidas - Aluguel de carros. Contou com os apoios de Conect Car, Full Gas, La Maglia, LAF Corretora de Seguros, Oakley, Red Bull, RodoServ Hotel, Sabesp, Governo do Estado de São Paulo, Shop2gether e Thule. A organização foi da Brasil Ride. 

Brasil Ride: Mais que uma prova, uma etapa em sua vida.

Mais informações da Brasil Ride:

Site: http://www.BRASILRIDE.COM.BR
Facebook: www.facebook.com/BRASILRIDE
Twitter: www.twitter.com/brasil_ride
Instagram: www.instagram.com/brasilride

Informações para imprensa:
ZDL Sports - Gustavo Coelho / Doro Jr. - Mtb 13209
E-mail: gustavo@zdl.com.br
Tel: 11 3285-5911 

Site: www.zdl.com.br
Facebook: www.facebook.com/ZDLSports
Instagram: www.instagram.com/zdlsports
Twitter: www.twitter.com/ZDLcomunica

Brasil Ride Store

Conheça a loja oficial do Brasil Ride

Acesse a loja